Google Tradutor – Brasileiro para Português

Porque é que o Google Tradutor – ou Google Translate – não faz tradução de português do Brasil para Portugal? Ou seja, não traduz de português brasileiro para português europeu e vice-versa? Resposta curta: porque é o mesmo idioma. Resposta longa: porque é o mesmo idiomaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa. Brincadeirinha. 😐

Tentando traduzir para português de Portugal com o Google Tradutor

Talvez você já tenha tentado fazer o que eu tentei fazer há pouco: ir ao Google Tradutor, selecionar “Português” no campo da esquerda, e depois selecionar “Português” também no campo da direita, e… opa! O campo da esquerda mudou sozinho para outro idioma!

A minha ideia era que ao selecionar “Português” nos dois campos, partindo do princípio de que o Google Tradutor traduz para português brasileiro, eu poderia colar ou escrever um texto em português europeu no campo da esquerda, e o Google Tradutor iria traduzir o texto de português europeu para português brasileiro no campo da direita. Se fosse possível manter os dois campos em “Português” também deveria ser possível traduzir para português de Portugal. Não foi uma boa ideia.

No entanto, existe uma maneira de manter “Português” nos dois lados da tradução, que é selecionando “Português” no campo da direita e “Detetar idioma” no campo da esquerda. Assim, ao escrevermos em português, o Tradutor passa a mostrar “Português – Detetado” no campo da esquerda sem alterar o idioma da tradução no lado direito. Isto também não funciona; ao escrever, o Tradutor mostra o texto igual ao original.

Google Tradutor e português europeu

Resumindo: O Google Tradutor não traduz de português brasileiro para português europeu porque se trata do mesmo idioma. Certamente há pessoas que gostariam de ver na lista de idiomas disponíveis “Português brasileiro” seguido de “Português europeu”, como também deverá haver pessoas que gostariam de ver “Inglês – EUA” seguido de “Inglês – UK”, etc.

Afinal, a ferramenta não se chama “Google Tradutor de Portugal”, nem tão-pouco “Google Tradutor de Portugal e Brasil”, mas apenas “Google Tradutor”. Como tal, ele distingue entre idiomas, não entre países.

Imagine alguém que precisa traduzir o texto de uma entrevista em inglês para português para que seja exibida a um público brasileiro. Naturalmente essa pessoa irá querer uma tradução para português brasileiro, já que uma tradução para português europeu mostrada a um público brasileiro iria com certeza e infelizmente fazer esse público perder o interesse.

Talvez o inverso não acontecesse com um público português assistindo uma entrevista com tradução para português brasileiro, porque – a minha opinião – o público português está mais acostumado a assistir conteúdos na TV falados em português brasileiro, por exemplo novelas. Ou seja, o português não fala “esporte” (dizemos “desporto”), mas entende “esporte”. Claro que, no fundo, o que interessa é que todos sabemos quem é Cristiano Ronaldo, certo?

Tradukka – Brasileiro para português europeu. Será que resulta?

O Tradukka é outro bom site para traduções rápidas – e curtas – online. Ele funciona da mesma forma que o Google Tradutor: você escolhe os idiomas de origem e de destino, escreve o seu texto no campo de origem, e vê a tradução instantânea aparecer no lado da tradução. Aqui também não é possível ter “Português” simultaneamente como idioma de origem e de destino: ao selecionar português num lado, ele desaparece no outro.

É interessante que a bandeira usada pelo Tradukka para o português na lista de idiomas disponíveis é a de Portugal. Será que isto significa que o Tradukka traduz para português de Portugal e não para português do Brasil? Se assim for, isto pode ter resultados interessantes: você pode, por exemplo, colar o mesmo texto no Google Tradutor e no Tradukka e obter duas traduções diferentes; uma tradução para português brasileiro e outra para português europeu!

Claro que o texto original ainda teria que ser num idioma que não o português, mas ainda assim seria interessante testar. Testei. Fique empolgado, depois dececionado. Inventei um pequenino texto que pensei mostraria algumas diferenças entre português brasileiro e português de Portugal depois de traduzido.

Testei primeiro com estas frases em inglês, inventadas na hora: “I saw a man and a woman walking down the street while I was eating lunch. The man was playing a guitar and the woman was singing a song.” O Google Tradutor traduziu (bem) a frase para português brasileiro, mas – surpresa! – o Tradukka traduziu (também bem) para português europeu. Afinal a tal bandeira de Portugal nas opções do Tradukka fazia sentido!

A tradução para português brasileiro pelo Google Tradutor foi: “Eu vi um homem e uma mulher caminhando pela rua enquanto eu estava almoçando. O homem estava tocando violão e a mulher estava cantando uma música.

A tradução pelo Tradukka foi: “Eu vi um homem e uma mulher andando pela rua, enquanto eu estava comendo o almoço. O homem estava tocando uma guitarra, e a mulher estava cantando uma canção.

Notou as diferenças? “Violão” e “Guitarra” deixaram-me empolgado, apesar de eu nem saber tocar nenhum deles, mas eu devia saber que “alegria de pobre dura pouco”. Depois tentei com estas frases: “The guy was just a bum petting his dog. This guy is a good guy.

Tradução pelo Google: “O cara era apenas um vagabundo acariciando seu cachorro. Esse cara é um bom cara.” Tudo bem até aqui: a tradução é para português brasileiro, como esperado.

Tradução pelo Tradukka: “O cara era só um mendigo acariciando seu cão. Esse cara é um cara legal.” Opa! Que tradução é essa? Isso é português brasileiro ou europeu? Acho que é uma mistura das duas: começa com brasileiro (“cara”; em Portugal, a palavra é apenas usada para “rosto”, “face”), continua em europeu (“cão”), fecha com brasileiro de novo.

Com este exercício, pelo menos aprendemos que o Google Tradutor faz uma tradução mais consistente para português (brasileiro neste caso) do que o Tradukka. Por outro lado, o Tradukka inclui palavras de português lusitano, o que pode ser vantajoso se a tradução é destinada a um público de Portugal.

Conclusão

Já que o Google Tradutor, o Tradukka, e certamente outras ferramentas de tradução online não distinguem entre versões do mesmo idioma – como deve ser, afinal são “tradutores de idiomas”; não são “tradutores de versões do mesmo idioma” – uma solução para quem procura por este tipo de tradução passa por procurar “tradutores-pessoas” em vez de “tradutores-softwares”.

Estas pessoas devem ser profissionais conhecedores das duas versões do mesmo idioma e que conheçam a fundo as diferenças entre o português brasileiro e o de Portugal – que possam fazer uma boa tradução de português para a língua brasileira, ou, pelo contrário, que, usando um texto brasileiro, consigam traduzir português para português de Portugal.

O lado menos bom é que o valor a pagar por essas “traduções” será provavelmente o equivalente a uma tradução “normal” de um idioma para outro, o que, infelizmente, acaba por ser como o cliente – e o público-alvo da tradução – muitas vezes vê as duas versões do idioma: como idiomas diferentes.

Leia também: Dicionário de português brasileiro para europeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.